segunda-feira, 28 de junho de 2010

neste ponto uno realidade e ficção
experiência ao sem comprovação
pra contar uma história
sem que pareça aberração

estranho, modificado
é disso que precisamos
pra instigar a imaginação
pra continuarmos pensando

do não certo
menos ainda errado
queremos nos pés uma base sólida
e o cérebro aerado

vivido instantâneo
queremos é ter achado
que aquilo que vimos
é de fato um fato

e viajar por todos os mundos
e crer que podemos
nos perder nas histórias
de onde viemos

fantástico,
tangível,
mistura
imprescindível

de documentação já basta a vida
quero mais contar ficção pra nos olhos ser lida.

1 comentário:

Hermínia Mendes disse...

"de documentação já basta a vida
quero mais contar ficção pra nos olhos ser lida."

NOSSA!

soante

Número total de visualizações de página