segunda-feira, 28 de junho de 2010

neste ponto uno realidade e ficção
experiência ao sem comprovação
pra contar uma história
sem que pareça aberração

estranho, modificado
é disso que precisamos
pra instigar a imaginação
pra continuarmos pensando

do não certo
menos ainda errado
queremos nos pés uma base sólida
e o cérebro aerado

vivido instantâneo
queremos é ter achado
que aquilo que vimos
é de fato um fato

e viajar por todos os mundos
e crer que podemos
nos perder nas histórias
de onde viemos

fantástico,
tangível,
mistura
imprescindível

de documentação já basta a vida
quero mais contar ficção pra nos olhos ser lida.

[12] [123] [321] [5768] 1-2-1=0

na batida da pele
perde-se o coração

sobra o corpo
espaço vão

skin's beat

Meu coração ama na mesma velocidade que a tua pele.

Sincronizando, quase na mesma batida

... tentativa...

Tua pele desritmada causa angústia no meu coração,

E morro de amores quando penso em usar de tua veste-corpo.

quarta-feira, 9 de junho de 2010

Um dia o mar olhou pra dentro de si e viu que só tinha tempestade, e, em sua grande barriga d'água, gente morta e barcos naufragados.

Um dia quem é gente se olhou no espelho e viu que era mar.
Acredito nas pequenas coisas
Acredito que elas movem montanhas
Acredito em fé, em Deus, e em todo o pacote incluso na minha educação
Só não acredito que a forma de acreditar tem que ser sempre a mesma
monótono...
Acredito que acreditar é ir além
É saber que seus limites se mantém, mesmo quando você os ultrapassa, como um novo ponto de partida
É viver o possível sabendo que o ideal impossível se aproxima
É não ter medo de se jogar de cara e de se arrepender depois. O arrependimento foi feito pra vir depois.
Acredito, acima de tudo, na força transformadora que o acreditar nos traz.
E mesmo que o que eu acredite não se justifique, em mim encontro as justificativas de que preciso.
Acredito que acreditar é do que preciso. Acreditar em tudo sem esquecer de acreditar em mim.
Acredito sem a necessidade de um "Amém" pra encerrar as minhas frases, sem a busca torturante de um motivo, aceitando que as coisas acontecem por conseqüência natural e tangível.

Simplesmente acredito. E ganho forças nisso. Minha motivação pra dar um passo é acreditar que um novo chão vai ser pisado, que com dez passos posso atravessar uma rua e encontrar. O que? Acredito que algo vai ser encontrado, mas não me cobro, pois acredito que estará lá.

Como já disse: Acredito que acreditar é ir além. E eu vou.


Pior que ter um
é ter dois na mão
e querer continuar voando...

soante

Número total de visualizações de página